Uma caravana formada por mais de 40 pessoas de nossa comunidade viveu bons momentos nos dias 8 e 9 de junho durante visita a três locais de peregrinação no Vale da Ribeira, no interior de São Paulo.

A caravana ficou hospedada em um hotel de Aparecida, perto da Basílica Velha, que foi a primeira basílica dedicada à Nossa Senhora Aparecida.

As visitas começaram pelo Santuário Nacional, o maior santuário mariano do mundo e dedicado à padroeira do Brasil, em Aparecida, distante 700 quilômetros de Londrina.

A caravana chegou na sexta-feira de manhã e às 9 horas participou de uma missa concelebrada pelos padres Bruno Áthila e Pedro Ramos de Faria.  Neste dia se comemorava a solenidade do Sagrado Coração de Jesus.

À tarde, o ônibus seguiu para Guaratinguetá, terra de Frei Galvão, o primeiro santo brasileiro. Nossos peregrinos foram  muito bem acolhido por um representante do santuário, que deu uma verdadeira aula sobre a história de Frei Galvão, famoso pelas suas pílulas milagrosas.

No sábado de manhã, a caravana foi para Cachoeira Paulista, onde fica a sede da Canção Nova. Alguns quilômetros antes da chegada, houve um problema de refrigeração no motor do ônibus, o que obrigou uma parada na altura do km 419 da Via Dutra. O problema foi resolvido em poucos minutos graças à intervenção do paroquiano Gumercindo Silva. O pessoal não perdeu a esportiva e aproveitou o momento para conversar e fazer algumas fotos.

Na Canção Nova, o pessoal visitou o Santuário Pai das Misericórdias, o rincão onde havia uma palestra com a presença de milhares de pessoas, a livraria e outros espaços. O local chama a atenção pela grandiosidade.

A caravana retornou a Londrina na tarde de sábado e chegou na madrugada de domingo.

Esta foi a segunda excursão em comemoração aos 60 anos da nossa paróquia. Em maio, houve uma peregrinação aos santuários São Vicente Pallotti, em Ribeirão Claro, e São Miguel Arcanjo, em Bandeirantes, no Norte Pioneiro.

joyas pandora joyas pandora