Intercessora, advogada, auxiliadora em tempos de aflição, mas essencialmente nossa Mãe. Nossa Senhora é um exemplo de força e fé. O evangelista João narra o momento em que Jesus, pregado na cruz, nos fez filhos Dela. “Quando Jesus viu a sua mãe e, ao lado dela, o discípulo que ele amava, disse à sua mãe: ‘Mulher, eis aí o teu filho’. Depois disse ao discípulo: ‘Eis aí a tua Mãe’. (Jo.19, 26-27)”.

Em maio, a Igreja celebra a devoção à Nossa Senhora. É um mês para o povo de Deus rezar junto a Maria. Para a comunidade da Paróquia Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos será também o dia da Padroeira, celebrado sempre na véspera de Pentecostes, este ano será no dia 22 de maio. 

Nossa Senhora nos aproxima de Deus e conduz seus filhos no caminho da fé. Foi isso que a Virgem fez com Alessandra Radis, 46 anos. Evangélica, com passagem pelo Espiritismo, Alessandra foi arrebatada por Nossa Senhora há quase três anos, quando a sua mãe ficou doente. Ela conta que começou vendo a imagem de Nossa Senhora Aparecida nos cultos da Igreja Presbiteriana que frequentava.

A sua mãe passou por duas cirurgias e quase morreu. Nos momentos de desespero pedia ajuda em oração. Mas a conversão veio quando a mãe piorou. Foram três meses hospitalizada. Por várias vezes ela saiu do hospital transtornada, sentou-se no meio fio e, em meio ao desespero, algo a impeliu a entrar no carro e dirigir até a Paróquia Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos. 

Durante os três meses, ela ia até a igreja e conversava com a imagem de Nossa Senhora Aparecida. “Na época eu precisava de uma mãe”, recorda Alessandra. Ela conta que a relação com Nossa Senhora foi crescendo como amor materno. “Foi como que ao ir perdendo a mãe física ganhasse a mãe do céu”, diz. 

Após as missas, Alessandra reserva um tempinho para conversar com a imagem de Nossa Senhora

Mas a sua conversão veio a partir de uma experiência interna. Um dia ao ir dormir, ela escutou uma voz dizendo ‘venha filha’. “Sabia no meu coração que era Nossa Senhora. Então fui conversar com os padres Bruno e Fiori sobre isso”, revela. 

“A experiência foi muito forte. Ela me mobilizou pela dor. Hoje tenho a alegria da conversão com Ela. Nossa Senhora insistiu em mim para eu me voltar para Jesus. Ganhei uma mãe e não só uma intercessora”, comenta. 

Com o aprofundamento da relação com a Virgem, Alessandra pediu direcionamento sobre o caminho a seguir. “Estava cansada de buscar Deus em outras Igrejas. Pedi para ela me direcionar”, afirma. E a mãezinha a conduziu para a Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos. 

A mãe de Jesus também converteu o marido de Alessandra, que era Testemunha de Jeová não praticante. Os dois passaram a frequentar as missas na paróquia. Ela reza o rosário e ele o terço. Os dois fizeram a catequese, se batizaram e se casaram. Agora estão se preparando para a crisma. 

Consagrada à Nossa Senhora

A caminhada de Helena Eiko Onishi Soyano, 51 anos, na Igreja Católica tem cerca de 10 anos. Ela é serva do Grupo de Oração da Paz e participa da Pastoral da Música. Mas no ano passado sentiu um chamado especial. “Nas orações diárias do grupo vinha a imagem de Nossa Senhora na minha frente. Fui conversar com a coordenadora do grupo e o discernimento foi que era um pedido para me consagrar a Ela”, diz Helena. 

Helena Eiko Onishi Soyano atendeu ao pedido de Nossa Senhora

Ela fez o curso de Total Consagração pelo método São Luís de Montfort. Para a consagração, Helena e o marido casaram. “Casamos no dia 10 de outubro e no dia 12, Dia de Nossa Senhora Aparecida, me consagrei”, conta Helena. 

Helena diz que no tempo de estudo surgiram muitas dúvidas, principalmente de como caminhar na fé sem pecar. “O ano passado foi intenso, que preencheu um lado vazio. Tenho muito que caminhar ainda”, afirma. 

Helena Eiko Onishi Soyano consagrou-se no dia de Nossa Senhora Aparecida

Práticas de devoção 

Devoção Reparadora dos Cinco Primeiros Sábados 

A Devoção Reparadora em honra à Nossa Senhora ocorre no primeiro sábado de cada mês na Paróquia Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos na missa das 6h45. Essa prática devocional é centrada nas aparições de Fátima, em Portugal, e nas cidades espanholas de Pontevedra e Tui. Para reparar as ofensas e a gravidade dos pecados contra a Santíssima Virgem Maria, na aparição de 1925, a Virgem pede a vivência de atos reparadores: a confissão, a comunhão, a oração do Santo Terço e a meditação de 15 minutos nos mistérios do Santo Rosário. 

Foi criado um grupo fechado no WhatsApp para formação sobre o carisma da reparação e a prática devocional, sobre as aparições de Nossa Senhora, em Fátima. Orientação de como se preparar para a prática e como será realizada na paróquia.  Quem quiser participar clique aqui .

Consagração Total 

A Total Consagração é uma prática de devoção muito sólida, ensinada no Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem, escrito por São Luís.  É um auxílio para a vida espiritual, que ajuda a perseverar na graça e a crescer no amor a Jesus Cristo Nosso Senhor. O curso é organizado pelo Consagra-te Londrina. Mais informações pelo telefone: (43) 99148-1436 e e-mail [email protected]

Rosário Perpétuo de Nossa Senhora 

Rosário Perpétuo, que é composto por 21 irmãos, que comungam os mesmos ideais. O objetivo principal é a união espiritual total dos irmãos, pela oração e amor. O Rosário Perpétuo é rezado nas seguintes intenções: pelos participantes, paz no mundo, regresso dos filhos à Igreja, vocações missionárias, sacerdotais, religiosas e leigas, pela unidade dos cristãos, pelas famílias. Pela conversão da humanidade, pelos que sofrem de doenças, fome e injustiças; pelo Papa e pela Igreja Católica. Pelo meu filho espiritual; pela consagração do Brasil ao Imaculado Coração de Maria; pela Entronização dos Sagrados Corações de Jesus e Maria nos lares e pelas almas do purgatório. 

O Rosário Perpétuo é perpétuo porque cada participante assume o compromisso de rezar, todos os dias, o mistério que lhe foi indicado para o resto de sua vida, em caso de morte do participante, a família providência outro membro da família para substituí-lo. 

TESTEMUNHO

Você tem algum testemunho ou graça alcançada por intercessão de Nossa Senhora? Compartilhe conosco.  Clique aqui.